Descubra 4 dicas para evitar fluxo de caixa instável

Área do Cliente

4 dicas para evitar fluxo de caixa instável



02 de março de 2017

4 dicas para evitar fluxo de caixa instável

Dentre outras ferramentas de gestão como os registros de entradas e saídas, as contas a pagar e a receber e o controle de estoque, o fluxo de caixa é crucial para o planejamento financeiro e o crescimento e solidez de qualquer tipo de negócio. Isso porque oferece ao empreendedor informações sobre a movimentação cotidiana dos recursos financeiros da empresa, bem como sobre seus recebimentos e pagamentos. Diante disso, um software ERP que controle o fluxo de caixa é uma ótima saída para as empresas. O fluxo de caixa é um instrumento fundamental para o controle financeiro, permitindo ao empreendedor não somente avaliar a situação financeira do seu negócio, mas também realizar projeções futuras, servindo de indicação para a tomada de decisões e a adoção de estratégias que possam interferir positivamente no equilíbrio do caixa da empresa. Um fluxo de caixa instável e um controle desorganizado podem ser fatais para um negócio, levando-o, em alguns casos, a uma crise financeira irreversível. Para evitar este problema, reunimos algumas dicas para o controle de fluxo de caixa. Confira:

1. Controle periódico do fluxo de caixa

Além de conhecimentos sobre seu mercado de atuação, público alvo e sobre os produtos e serviços que oferece, é fundamental que o empreendedor se mantenha informado sobre a movimentação dos recursos da empresa. A organização e o controle periódico do fluxo de caixa contribuem para atender a compromissos como contas a pagar, impostos e investimentos, além de verificar as contas a receber e o lucro obtido pelo seu negócio.

Principalmente para pequenas empresas, o controle periódico do fluxo de caixa permite ao empreendedor acompanhar de perto ganhos e gastos e saber o que está por vir. Ele garante, ainda, um planejamento estratégico das ações da empresa a fim de não perder oportunidades negócios. Além disso, o fluxo de caixa oferece importantes informações com relação aos gastos, possibilitando que sejam realizados cortes nas despesas e tomadas medidas para evitar desperdícios.

2. Avaliação das condições de crédito

É comum que as empresas ofereçam aos seus clientes incentivos de crédito para que estes gastem mais ao comprar produtos ou contratar serviços. O período padrão para o pagamento costuma ser de 30 dias, mas algumas empresas chegam a oferecer até 50 dias. Apesar de benéficas, as medidas relacionadas às condições de crédito merecem atenção e avaliação por parte do empreendedor. Isso porque oferecer longos prazos para o pagamento significa que a empresa vai demorar para efetivamente receber o valor de uma venda, o que pode vir a prejudicar a quitação de suas dívidas, principalmente no caso de pequenas empresas, que não possuem grandes reversas. Esteja, portanto, atento aos prós e contras das condições de crédito oferecidas pela sua empresa para evitar problemas no pagamento de suas contas.

3. Incentive o pagamento antecipado

As políticas de incentivo ao pagamento antecipado são adotadas por muitas empresas como forma de regular o fluxo de caixa e outros indicadores financeiros, bem como de evitar calotes. A medida consiste em oferecer descontos para os clientes que realizarem o pagamento antes da data de vencimento e contribui para manter evitar que a empresa fique no vermelho. A adoção deste incentivo requer, porém, atenção: é fundamental certificar-se que, após realizar o pagamento, o cliente não vai demorar muito para receber o produto ou serviço contrato. Esteja atento, portanto, à disponibilidade de fornecedores e ao controle de estoque do seu negócio, evitando que esta medida acabe por gerar problemas com a clientela.

4. Controle as despesas internas

Manter um controle do fluxo de caixa, evitando sua instabilidade, requer conhecimento com relação aos custos internos: quanto custa manter sua empresa mês a mês? Qual o lucro necessário para cobrir estas despesas? Controlar as despesas internas é fundamental não somente para que o empreendedor tenha um panorama completo da situação financeira da empresa, mas para que organize as finanças desta e identifique gastos passíveis de serem reduzidos ou eliminados. Realize este controle considerando mesmo os pequenos gastos, como material de escritório, por exemplo, e evite o desperdício de dinheiro com pagamento de multas e juros.

Para pequenas e médias empresas, a terceirização da parte financeira pode ser uma opção interessante, visto que permite que o empreendedor concentre suas energias em outras questões do negócio. Outra forma de controlar o fluxo de caixa de forma periódica e eficiente é a utilização de softwares de gestão financeira. Mais eficientes que as tradicionais planilhas de controle, estes contribuem para evitar erros e otimizar todas as áreas da empresa, identificando prejuízos e desperdícios com antecedência e possibilitando que sejam revertidos em melhorias.

Como você evita a instabilidade do fluxo de caixa da sua empresa? Compartilhe suas experiências conosco nos comentários!



Noticias relacionadas

Tendências na construção civil: 5 tecnologias que você precisa conhecer

Tendências na construção civil: 5 tecnologias que você precisa conhecer

Qual gestor não quer estar por dentro do que há de melhor para os processos no canteiro de obras?...

Saiba mais!
Gestão de Resíduos na construção civil

Gestão de Resíduos na construção civil

A construção civil é um importante setor que está em constante evolução com o passar dos anos. Entretanto, saber...

Saiba mais!
Se torne mais competitivo com o módulo de contabilidade do ERP UAU

Se torne mais competitivo com o módulo de contabilidade do ERP UAU

Descubra como o módulo de contabilidade do ERP UAU pode facilitar suas atividades fiscais e controle de custos de...

Saiba mais!

Assine a Newsletter

E receba conteúdos exclusivos

A Globaltec atende no mercado de construção civil mais de 1000 clientes no Brasil através do ERP UAU - Software para constução civil


Quer descobrir como podemos ajudar seu negócio?


Entre em contato

Fale conosco: