Descubra 5 formas de resolver a falta de fluxo de caixa

Área do Cliente

Descubra 5 formas de resolver a falta de fluxo de caixa



19 de maio de 2017

5 formas de resolver a falta de fluxo de caixa

A maioria das empresas de construção acaba enfrentando problemas de fluxo de caixa em um momento ou outro. Felizmente, a maioria dos problemas de fluxo de caixa pode ser evitada com um pouco de preparação, com a estratégia certa e com um software ERP para o segmento de construção civil. Este artigo lista os 4 problemas de fluxo de caixa mais comuns, assim como maneiras de resolvê-los.

1. Despesas gerais elevadas

Despesas gerais podem ser descritas como os custos de funcionamento de um negócio que não estão vinculados diretamente à venda de um imóvel. Exemplos de despesas gerais incluem aluguel, telefone e pagamentos de impostos. Às vezes, as despesas se tornam muito elevadas em relação à receita que sua construtora produz e, com isso, podem prejudicar o fluxo de caixa do seu negócio.

As despesas gerais elevadas são particularmente desafiadoras, porque são persistentes e afetam o fluxo de caixa todos os meses, até que o problema seja corrigido.

Solução para o problema

A solução para esse problema, embora seja simples, não é fácil. Faça uma auditoria das despesas da sua construtora e corte tudo o que for possível. Tenha cuidado para não fazer cortes em excesso, pois essa abordagem também pode prejudicar a empresa.

Conheça as melhores práticas para gerenciar a inadimplência no mercado de construção civil

Se não for possível reduzir, considere opções mais baratas. Na verdade, cada empresa precisa auditar suas despesas regularmente para garantir que as despesas gerais não comprometam toda a receita.

2. Falta de um orçamento detalhado

Muitos gestores não estimam cuidadosamente o fluxo de entrada e de saída de dinheiro da empresa. Fatores a considerar incluem o ciclo de vendas, termos e descontos oferecidos aos clientes e outros fatores que podem afetar o calendário de entrada de dinheiro.

Solução

É necessário estimar despesas e outros gastos da empresa. Isso inclui a compra de equipamentos, matérias-primas e suprimentos. Ao fazer um orçamento, também é necessário incluir o cronograma de pagamento de salários, impostos e outras despesas diárias.

3. Monitorar os resultados

Muitos empresários não examinam o orçamento —pelo menos, em uma base mensal —, o que acaba por acumular erros e gerar distorções no orçamento.

Solução

O fluxo de caixa deve ser comparado ao orçamento para resolver distorções no sistema. Se a entrada de dinheiro foi menor do que o previsto, é preciso descobrir a razão para o déficit. Se as saídas acabaram sendo maiores do que o esperado, entender a causa e buscar perceber se essa vantagem é real ou fruto de algum erro de cálculo também é importante. Pode ser, inclusive, uma forma de analisar o que deu certo em cada caso, para aplicar à padronização de processos.

Uma vez que as razões para as variações do orçamento foram determinadas, a empresa pode fazer as correções necessárias; quer seja no orçamento, quer seja no plano de negócios ou em ambos.

4. Excesso de material

Esse problema pode afetar as construtoras que precisam paralisar uma construção por algum motivo, ou quando o ritmo de uma obra está mais lento do que o esperado. Se há excesso de material no canteiro de obra, isso acaba por amarrar o fluxo de caixa.

Solução

Ajuste suas compras, de modo a armazenar itens pelo menor tempo possível, antes que eles sejam usados em uma construção. A quantidade de produto que se mantém depende:

  • Das previsões de vendas;
  • Do dinheiro disponível;
  • Do calendário da obra.

É importante monitorar cuidadosamente os níveis de material comprado. Não ter produtos-chave em estoque pode gerar o atraso de um projeto e, consequentemente, fará a construtora perder tempo e dinheiro.

Uma última sugestão: obtenha um software ERP

Controlar o fluxo de caixa é fundamental para a sua empresa. A principal vantagem de um software ERP é controlar e organizar o fluxo de caixa em tempo real.

Outra vantagem para as empresas é a sua forte interação com informações de logística e produtos, cadeia de suprimentos, estatísticas financeiras e outras áreas importantes da empresa. Nos processos de planejamento, o ERP tem grande influência sobre a gestão de bases de dados de fabricação e produção, permitindo que a empresa crie informações de estimativa de ambientes e departamentos e as armazene precisamente.

Se a sua empresa precisa fazer um gerenciamento de fluxo de caixa, conheça o software ERP da Globaltec! Nós temos a soluções para a sua empresa!



Noticias relacionadas

Confira 5 dicas de como o ERP pode ajudar no gerenciamento da sua construtora

Confira 5 dicas de como o ERP pode ajudar no gerenciamento da sua construtora

Descubra como ter uma visão ampla de todos os setores de sua construtora, de forma simplificada com o auxilio...

Saiba mais!
Saiba por que fazer o planejamento da construção civil com BI

Saiba por que fazer o planejamento da construção civil com BI

É preciso estar atento às constantes evoluções de mercado. Nos últimos anos, várias tecnologias foram incorporadas ao cotidiano da...

Saiba mais!
Aumente a segurança patrimonial do canteiro de obras

Aumente a segurança patrimonial do canteiro de obras

Há muito tempo, o alvo dos criminosos deixou de ser apenas comércios, bancos e residências. Eles também passaram a...

Saiba mais!

Assine a Newsletter

E receba conteúdos exclusivos

A Globaltec atende no mercado de construção civil mais de 1000 clientes no Brasil através do ERP UAU - Software para constução civil


Quer descobrir como podemos ajudar seu negócio?


Entre em contato

Fale conosco: