Saiba por que automatizar o pós-venda na gestão imobiliária

Área do Cliente

Saiba por que automatizar o pós-venda na gestão imobiliária



26 de março de 2018

Gerir os contratos depois da venda de um imóvel é uma tarefa tão desafiadora quanto vender uma unidade. Por isso, a automatização do pós-venda surge como uma ferramenta poderosíssima para uma gestão imobiliária de sucesso.

Esqueça as velhas planilhas e até mesmo os softwares que só serviam para inclusão de dados. Agora, a tecnologia que o segmento da construção civil tem à disposição, como o ERP, permite emitir relatórios e obter informações inteligentes.

Tais recursos tecnológicos podem ser utilizados a favor do planejamento estratégico — da pré-venda até todos os processos que envolvem a comercialização de um empreendimento. Quer saber como colocar isso em prática? Acompanhe os tópicos seguintes!

Gestão de vendas em stand

Em diversos empreendimentos, o processo de vendas começa in loco. Ou seja, com corretores e demais funcionários a postos em um stand de vendas. Para transformar todo tipo de atendimento em algo realmente valioso, os vendedores precisam de recursos.

Na grande maioria das vezes, os recursos necessários estão no escritório ou na sede da imobiliária. Pois é neste ponto que entram as novas tecnologias — como, por exemplo, um ERP com módulo web para ser acessado de qualquer lugar.

Mesmo à distância, esse módulo permite fazer o cadastro de propostas de venda, reservar imóveis e ter acesso a um espelho de vendas. Assim, todas as informações serão inseridas automaticamente no módulo CRM (Customer Relationship Management) ou, em português, CRC (Gestão de Relacionamento com o Cliente).

No módulo web é possível ainda incluir dados como: nome do vendedor, valores de descontos, valores de acréscimos, valor total da proposta, porcentagem de juros e multas, status da proposta e da aprovação.

Controle pós-venda

Ok, vendas feitas! Agora, é o momento de trabalhar o pós-venda. Nesta etapa, os vendedores deverão acompanhar o status das propostas enviadas e manter contato direto com os clientes interessados.

Além disso, é nesta fase que a gestão imobiliária pode obter informações a respeito dos resultados de vendas no stand — identificando novas oportunidades de negócio ou até mesmo a necessidade de mudança de estratégia.

Redução da inadimplência

Quando uma venda é efetivada, chega a hora de acompanhar os pagamentos das parcelas. Os dados do sistema darão um panorama a respeito do comportamento de cada comprador: se é alguém que atrasa todo mês ou pontualmente.

Dessa forma, sua equipe estará bem informada sempre que for necessário montar um plano de renegociação. Afinal, levar em conta o histórico de cada cliente é muito importante!

Nesse sentido, outra facilidade da automatização de processos no pós-venda na gestão imobiliária é a redução da inadimplência. Mesmo aqueles que recebem o boleto impresso podem esquecer de fazer o pagamento na data correta.

Para resolver esse problema, basta lançar mão de algumas funcionalidades do seu ERP. Uma delas é enviar alertas de atraso aos compradores por e-mail, SMS ou telefonema. Além disso, também é possível oferecer uma espécie de autoatendimento ao cliente.

No autoatendimento, o comprador pode realizar tarefas simples como emitir a segunda via de boleto, checar pagamentos e abrir chamados junto à imobiliária.

Envio controlado da DIMOB

A Dimob (Declaração de Informações sobre Atividades Imobiliárias) é uma declaração que precisa ser enviada todo ano para a Receita Federal. Ela diz respeito a todos os rendimentos que a imobiliária obteve naquele período com venda e locação de imóveis.

Geralmente, uma equipe fica a cargo de fazer esse trabalho ou, em alguns casos, o serviço é delegado a um contador terceirizado. Ou seja, desperdício de tempo e gastos extras.

Porém, a gestão imobiliária que conta com um ERP especializado na área pode gerar esse documento de maneira automática e sem erros. Para isso, são utilizadas as notas fiscais emitidas pela empresa e que já estão na base de dados do software. Isso significa economia de tempo e precisão na declaração, evitando possíveis multas.

Relatórios de acompanhamento

Outro ponto que merece destaque quando falamos de automatizar o pós-venda na gestão imobiliária é a emissão de relatórios. Pelo sistema, os gestores têm acesso a relatórios completos, possibilitando um acompanhamento fiel de resultados.

Podemos entender que um ERP não é simplesmente uma ferramenta de registro de dados. É muito mais que isso, pois o software serve para gerenciar processos, acompanhar a evolução de estratégias e tomar a melhor decisão possível.

Portanto, não esqueça que o pós-venda é parte importante da gestão imobiliária. Cadastrar o cliente, formular propostas de compra, acompanhar o aceite e depois o pagamento das parcelas são tarefas que ficam muito mais ágeis com a automatização.

Você ainda sofre com retrabalho e falta de otimização do tempo da equipe? Entre em contato com nossos consultores e conheça as soluções da Globaltec para o seu negócio!



Noticias relacionadas

5 dicas para organizar sua carteira de clientes

5 dicas para organizar sua carteira de clientes

Organizar sua carteira de clientes é uma tarefa que exige uma série de critérios para que foque seus esforços...

Saiba mais!
Veja os principais desafios na gestão de sua imobiliária

Veja os principais desafios na gestão de sua imobiliária

A venda e locação de imóveis é uma atividade complexa, muitas imobiliárias tem dificuldade na gestão de aluguel, venda...

Saiba mais!

Sistema ERP para gestão imobiliária: como refinar processos?

Novos lançamentos devem aquecer o mercado. Por isso, é essencial contar com a ajuda tecnológica de um sistema ERP...

Saiba mais!

Assine a Newsletter

E receba conteúdos exclusivos

A Globaltec atende no mercado de construção civil mais de 1000 clientes no Brasil através do ERP UAU - Software para constução civil


Quer descobrir como podemos ajudar seu negócio?


Entre em contato

Fale conosco: