Imposto de Renda 2017: entenda as mudanças para este ano

Área do Cliente

Imposto de Renda 2017: entenda as mudanças para este ano



08 de fevereiro de 2017

Imposto de Renda 2017: entenda as mudanças para este ano

A Receita Federal antecipou para 15 de fevereiro o prazo para apresentação da DIRF (Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte) do ano-calendário 2016. A mudança de data deixou muitos gestores e contadores apreensivos com a falta de tempo, já que antes a entrega podia ser feita até o último dia útil do mês. Em virtude das dificuldades, entretanto, o prazo foi estendido para 27 de fevereiro. Além do prazo, outra modificação importante na apresentação do Imposto de Renda 2017 é que agora deve-se identificar todos os membros das Sociedades em Conta de Participação.Isso porque, mesmo que esse tipo de sociedade não tenha personalidade jurídica, para efeitos tributários ela é considerada pessoa jurídica. Por isso, a incidência de tributos é igual à de outras empresas. Ou seja, são aplicados sobre todos os resultados obtidos no ano.

Por ser um modelo bastante usado na composição de empresas da construção civil, é preciso muita atenção a essa alteração. Caso contrário, o negócio estará sujeito às seguintes multas:

  • Para entrega em atraso ou com inconsistências, a penalidade é de 2% ao mês calendário ou fração sobre o montante de tributos e contribuições informado na declaração (com limite de 20%);
  • A empresa também é obrigada a pagar R$ 20 a cada dez informações omitidas ou incorretas.

Nesses casos, a única forma de não ser multado é fazer uma retificação espontânea antes de receber a notificação do fisco.

Detalhes sobre a apresentação da DIRF

A declaração deve ser apresentada até às 23h59 do dia 27 de fevereiro. O PGD (programa criado para gerar as declarações) é de uso obrigatório para fazer o envio da documentação. Desde o final de janeiro, ele foi disponibilizado para download no site da Secretaria da Receita Federal.

Em novembro do ano passado, quando o órgão anunciou as mudanças na DIRF 2017, foi divulgado que o programa estaria disponível a partir do primeiro dia útil de janeiro deste ano. O atraso nessa disponibilização também contribuiu para a extensão do prazo definido inicialmente.

Atraso na liberação do programa gerador

Algumas entidades, como a Fenacon (Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis), enviaram ofícios ao fisco pedindo que a data anterior fosse mantida. A federação baseou o pedido dela dizendo que haveria redução da quantidade de dias úteis de fevereiro por causa do Carnaval.

Além disso, a DIRF é considerada complexa pelos profissionais de contabilidade e gestão de negócios devido ao volume de documentações exigidas. Para piorar, esse atraso na disponibilização do PGD tirou o sono dos responsáveis pelo envio da declaração.

Tecnologia agiliza documentos para Imposto de Renda 2017

A data-limite para envio está se aproximando e, se você ainda não reuniu toda a documentação para a DIRF 2017, é bom se apressar. E, para evitar ter dores de cabeça anuais no período de entrega da declaração, uma dica é adotar um software ERP como o UAU, que é especialista no mercado da construção civil e tem diferentes módulos para agilizar esses processos.

No módulo fiscal, por exemplo, além de poder acompanhar as pendências com o fisco, fazer cálculos contábeis de maneira ágil e ter acesso aos demonstrativos necessários, é possível gerar um arquivo com informações para a Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte.

E você? Já está se preparando para a apresentação da DIRF 2017 da sua empresa? Compartilhe este post nas suas redes sociais, para que outras pessoas entendam as mudanças para este ano.



Noticias relacionadas

Qual a melhor forma de contratar uma consultoria no segmento de construção?

Qual a melhor forma de contratar uma consultoria no segmento de construção?

Escolher o tipo de consultoria adequado à sua empresa pode ser uma tarefa complexa, dependendo de vários fatores internos:...

Saiba mais!

ERP UAU: automatização de cobranças e pagamentos

A automatização de cobranças permite conseguir maior eficiência no dia a dia de operação das empresas de construção civil.

Saiba mais!
Conheça as novas funcionalidades disponíveis no APP UAU Aprovação.

Vem aí nova funcionalidade no App UAU Aprovação

Conheça as novas funcionalidades disponíveis no APP UAU Aprovação.

Saiba mais!

Assine a Newsletter

E receba conteúdos exclusivos

A Globaltec atende no mercado de construção civil mais de 1000 clientes no Brasil através do ERP UAU - Software para constução civil


Quer descobrir como podemos ajudar seu negócio?


Entre em contato

Fale conosco: